Angelfall por Susan Ee

ANGELFALL_1324213129P

Penryn é uma garota de dezesseis anos que sobreviveu, com sua mãe e irmã mais nova, a um apocalipse causado por – nada menos que – anjos, mas ao tentar sair da cidade para as colinas que cercam sua cidade ela e sua família acabam ficando no meio de uma briga entre anjos. Agora Penryn tem que contar um a ajuda de um anjo ferido para achar sua irmã mais nova e sobreviver nessa sociedade distópica.

O ponto principal desse livro é Penryn, a nossa personagem principal e narradora, conseguiu soar ao mesmo tempo tão kickass e normal – ela não me deixou irritada nenhuma vez ao longo da leitura porque sempre se ligava e juntava os pedaços do mistério na hora certa, na mesma hora que caia a ficha para o leitor, não como em alguns livros que ficam enrolando quando a grande surpresa está na nossa cara. Ela também sabe se virar, mas não é estupida/orgulhosa o suficiente para não admitir quando precisa de ajuda, basicamente eu adorei ela.

Outros personagens também tiveram seus momentos como Raffe, o anjo machucado, que com suas tiradas irônicas me rendeu várias risadas ao longo da leitura. Outros personagens que eu gostaria de descobrir mais nos próximos livros são Obi e toda a resistência em si – e eu fiquei com uma grande esperança no final de que vamos ver mais deles no próximo livro.

E a história não fica para trás dos personagens, com um ritmo quase frenético, em que cada capítulo e cena conta para desenvolver a história e os personagens, nos entramos esse mundo destruído e vamos descobrindo, junto com Penryn, o que levou o nosso mundo ser destruído pelos anjos. A única parte que esse livro me desapontou foi nas descobertas sobre os motivos dos anjos terem invadido a Terra e a estarem destruindo, eu entendo que o livro é narrado em primeira pessoa, então só sabemos o que Penryn sabe e que a série vai ter 6 livros então nem tudo pode ser descoberto no primeiro livro, mas ainda assim.

Apesar de Angelfall não ter nada de extremamente original ou único ainda assim sua pegada rápida, com várias cenas de ação, uma personagem principal que sabe muito bem se virar sozinha e um mistério que te deixa roendo as unhas, consegui se tornar um dos meus livros favoritos desse ano – e uma das melhores distopias que eu já li em toda a minha vida. O livro foi lançado em inglês pela Feral Dream, em 2011 e até a data deste post não tinha previsão de tradução.

Anúncios

Uma ideia sobre “Angelfall por Susan Ee

  1. Pingback: Para ler… | Deyse Diz Tudo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s